Booking.com
Quem tem marcapasso pode viajar de avião
Geral

Quem Tem Marcapasso Pode Viajar de Avião?

Setembro 4, 2017

Tem dúvidas sobre se quem tem marcapasso pode viajar de avião? É importante saber que você pode viajar com marcapasso (pacemaker) tranquilamente, desde que você esteja consciente de como se preparar e, em simultâneo, falar com o seu médico para aferir se precisa adotar algumas precauções especiais para ter uma viagem sem qualquer contratempo.

Saiba mais sobre como viajar de avião com marcapasso, passar na segurança do aeroporto e como encontrar um médico durante a sua viagem, a par de outras dicas úteis.

Então, quem tem marcapasso pode viajar de avião?

Sim, desde que o seu médico não levante qualquer impedimento, você pode viajar de avião com pacemaker, embora assegurando que toma algumas precauções de senso comum que visam salvaguardar a sua saúde e bem-estar.

Você pode passar pelos raios-x do aeroporto sem qualquer problema, pois tais dispositivos não interferem nem danificam o seu sistema de pacemaker ou alteram sequer as suas funcionalidades. Porém, o seu pacemaker poderá ativar os detetores de metais, razão pela qual deverá abordar os funcionários do aeroporto, no sentido de lhes informar sobre a sua condição.

Deverá viajar sempre com o seu cartão de identificação do dispositivo médico, para evitar quaisquer potenciais mal-entendidos com as autoridades.

Os procedimentos de segurança para passageiros com marcapasso

Passar pela segurança do aeroporto pode ser confuso para qualquer pessoa e, naturalmente, ainda mais para quem tem marcapasso. Para assegurar que não tem qualquer problema, como sugerido acima, certifique-se de levar consigo e mostrar o cartão de identificação do dispositivo médico aos funcionários de segurança. Este cartão identifica-o como paciente portador de marcapasso. Após mostrar o seu cartão, os seguranças poderão solicitar a você que:

Passe pelo raio-x

O raio-x não irá ter qualquer efeito sobre o pacemaker, ou seja, não o danificará nem mudará nenhuma configuração. Contudo, como o seu dispositivo contém partes metálicas que podem ativar o detetor de metais no aeroporto você não deverá passar pelo detetor de metais. O raio-x mostra o seu dispositivo, contudo, não irá ativar o alarme. Ao ver que tem um pacemaker, o segurança poderá pedir-lhe para fazer uma revista manual.

Se submeta ao detetor de metais (varinha)

Se for necessário usar um detetor de metais, do tipo varinha, para poder passar pelo controlo de segurança, diga ao colaborador para que não deixe a varinha muito tempo sobre o pacemaker, pois pode afetar temporariamente o seu dispositivo. Diga ao segurança que tem um dispositivo implantado, pelo que a busca por metais deverá ser feita de forma célere, e que não deverá passar o detetor de metais sobre o pacemaker.

Faça uma revista manual

Tendo em conta que não deverá se submeter ao detetor de metais, deverá ter de fazer uma revista manual. Se solicitar a mesma, pode pedir para que a revista seja feita num local privado, afastado do olhar público.

Cartão de identificação de dispositivo médico

É importante que você se faça sempre acompanhar do cartão de identificação de dispositivo médico. Em caso de emergência, o cartão permitirá alertar o pessoal de segurança e médico que você tem um dispositivo implantando. Dependendo de onde fez o seu implante, poder-lhe-á ser fornecido também um cartão de segurança do paciente. Trata-se de um cartão que pode levar consigo, quer em voos domésticos, quer em voos internacionais, impresso em várias línguas, que explica que o seu dispositivo pode ativar os alarmes de segurança do aeroporto.

Antes de viajar, faça uma pesquisa para determinar que especialistas estão disponíveis no destino para o qual vai viajar, caso necessite de algum tipo de assistência. Para estar preparado para qualquer eventualidade, poderá também optar por subscrever um seguro de viagem, devido, entre outras, à sua cobertura de emergência médica.

« Voltar para a Página Inicial
Booking.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *