Porque é que as passagens aéreas são intransferíveis?

Já alguma vez ponderou sobre porque é que as passagens aéreas são intransferíveis? A maior parte das companhias aérea é bastante rígida nesta matéria, não permitindo que se transfira uma passagem para outras pessoas, mesmo que para uma pessoa familiar que pretenda viajar para o mesmo destino.

Na verdade, ao pesquisarmos sobre porque é que as passagens áreas são intransferíveis, constatamos que existem fundamentalmente duas razões, uma puramente comercial e logística, enquanto que a outra que tem a ver com questões de segurança. De qualquer modo, iremos explicar melhor ambas as razões abaixo.

Porque é que as passagens áreas são intransferíveis
Existem razões comerciais e logísticas, bem como de segurança para inviabilizar a possibilidade de transferência de uma passagem aérea.

Descubra porque é que as passagens aéreas são intransferíveis

Bem, conforme sugerimos acima, a primeira razão para uma passagem aérea ser intransferível tem a ver com a própria política da companhia área. Na verdade, uma companhia aérea precisa de saber quem é o cliente, de forma a prestar um serviço de qualidade, e, em simultâneo poder gerir adequadamente o seu inventário de lugares no avião.

Como poderá imaginar, é do interesse da companhia preencher o máximo de lugares disponíveis no avião e, sendo as passagens intransferíveis, as companhias podem vender e gerir melhor os assentos disponíveis no avião e, claro, rentabilizar ainda mais os mesmos.

A segunda razão é, então, a segurança. A intransferibilidade da passagem aérea permite assegurar que o passageiro que adquiriu o bilhete é a mesma pessoa que fez o check-in e passou pelo ponto de segurança.

Se pensarmos sobre estas razões, rapidamente constatamos que as mesmas são válidas. Por um lado, se os passageiros pudessem transferir as passagens, (re)vendendo as mesmas a outras pessoas, isto poderia criar um mercado paralelo, prejudicando as próprias companhias e a sua capacidade de controle sobre os preços. Por outro lado, se os bilhetes fossem transferidos, sem o devido controle, poderia haver um problema de segurança.

Por isso, é preciso aceitar que as passagens aéreas são intransferíveis por razões que protegem as companhias áreas, mas também nós enquanto passageiros, salvaguardando a nossa segurança.

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *