Os Mais Bonitos Castelos em Inglaterra

Procura conhecer quais são os mais bonitos castelos em Inglaterra? Construídos para manter os inimigos longe e, em simultâneo, para manter em segurança e conforto os seus habitantes, os castelos na Inglaterra há muito que capturaram a imaginação de pessoas por todo o mundo. Na verdade, ao longo dos anos, diversos filmes de Hollywood capturaram imagens desses castelos, suscitando curiosidade em todas as pessoas que os viram e, ainda mais, em todos os aficionados por castelos.

Os castelos na Inglaterra começaram a aparecer por volta do século XI, mais precisamente durante a conquista normanda, mas continuaram a ser construídos até ao século XVIII, embora nesta altura os castelos fossem já construídos já com outros intuitos e não propriamente para servirem de fortificações.

Atualmente, existem literalmente centenas de castelos em Inglaterra, em vários estados de restauração ou ruínas. Muitos desses castelos tornaram-se em destinos turísticos, oferecendo aos visitantes uma oportunidade de verem como era a vida num castelo real ou de compararem a realidade com o que é descrito em livros ou visto em filmes ficcionais.

Descubra os mais bonitos castelos em Inglaterra

Abaixo, poderá familiarizar-se com os castelos ingleses mais bonitos do país e ver as deslumbrantes imagens de castelos de Inglaterra:

Castelo de Windsor

Castelo de Windsor

Localizado a apenas uma hora de Londres, o Castelo de Windsor é visto por muitos como o castelo mais bonito de Inglaterra, bem como o maior e mais antigo castelo habitável do mundo. O castelo, para quem não sabe, é uma das residências oficiais da rainha Isabel II, que passa muitos fins de semana por ano no castelo. Existem edifícios do castelo que remontam até ao reinado de Henrique II, que chegou ao trono em 1154. Atualmente, grande parte do castelo, incluindo os Apartamentos de Estado e a Capela de São Jorge, pode ser visitada.

Castelo de Bodiam

Castelo de Bodiam

Poucas pessoas ficam indiferentes ao Castelo de Bodiam. Este castelo, localizado a sudeste de Londres, em East Sussex, é um dos melhores exemplos de fortalezas medievais na Europa, apesar do castelo ter sido erguido mais por uma questão de estatuto do que por razões de segurança. Após a conclusão da Guerra dos Cem Anos, Ricardo II concedeu ao soldado e proprietário de terras Sir Edward Dalyngigge uma licença para fortificar a sua casa, como medida de proteção contra os invasores franceses. Parecendo uma fortaleza saída de uma história fantástica, o castelo tem todas as características que as pessoas procuram num castelo medieval. O seu interior, contudo, está em ruínas, uma vez que foi desmantelado durante a Guerra Civil Inglesa, no séc. XVII, para impedir que o mesmo fosse usado pelo inimigo.

Castelo de Warwick

Castelo de Warwick

O Castelo de Warwick foi construído por Guilherme I, também conhecido por Guilherme, o Conquistador, em 1068, nas redondezas do rio Avon. Desde a sua construção no século XI, o castelo tem sofrido alterações na sua estrutura, com adições de torres e redesign dos edifícios residenciais. Originalmente, era uma estrutura de madeira, mas foi reconstruído com pedra no século XII. Ao longo da Guerra dos Cem Anos, a fachada oposta à cidade foi fortificada, resultando num dos melhores exemplos da arquitetura militar do século XIV. O castelo foi usado como forte até ao século XVII, altura em que foi convertido numa casa de campo, por Sir Fulke Greville, a cuja família continuou a pertencer até 1978, altura em que foi vendido a uma empresa de lazer.

Torre de Londres

Torre de Londres

A Torre de Londres foi inicialmente construída em 1066, no banco norte do rio Tamisa, como um castelo fortificado e residência real. Todavia, foi essencialmente usado como prisão, desde 1100 até 1952. Na verdade, muitas figuras da história inglesa estiveram presas neste castelo. A família real já não usa o castelo como residência desde o período Tudor. Atualmente, é uma atração turística, que seduz todas as pessoas interessadas em ver o castelo por dentro, incluindo a exibição do arsenal e as joias da coroa.

Castelo de Bamburgo

Castelo de Bamburgo

Este castelo fica situado na costa norte do país, no condado de Northumberland, em cima de pedra vulcânica. As origens do castelo remontam até ao século III ou IV, na medida em que o castelo pode ter sido a capital do reino governado pelos Din Guarie. O núcleo do castelo atual foi construído pelos normandos no século XI. Em 1894, o industrialista William Armstrong comprou o castelo e restaurou o mesmo, permanecendo desde então a casa da família. Mesmo assim, 16 quartos estão abertos aos visitantes, alguns dos quais foram convertidos em salas de exibição de artefactos, como armaduras medievais, incluindo a famosa Espada de Bamburgo, do século VII, descoberta numa escavação arqueológica no local.

Castelo de Arundel

Castelo de Arundel

O Castelo de Arundel, localizado em West Sussex, no sul de Inglaterra, é um dos melhores exemplos dos castelos continuamente habitados no país. O castelo conta um com interior bem preservado, repleto de quadros raros, tapetes e mobílias. O castelo é a residência dos duques de Norfolk e dos seu ancestrais há mais de 850 anos. Durante o século XVII foi quase destruído pela Guerra Civil Inglesa, mas, ao longo dos séculos, foi alvo de restaurações. Atualmente, certas zonas estão abertas ao público, como a capela, que data do século XIV, os seus deslumbrantes jardins e muitos dos quartos do castelo.

Castelo de Leeds

Castelo de Leeds

Amplo, intacto e rodeado por um fosso, o Castelo de Leeds é o que muitas pessoas imaginam quando pensam num castelo inglês. Pode encontrar o castelo a quatro milhas a sudeste de Maidstone, no Kent. O castelo foi construído durante o reinado de Henrique I, tendo servido como residência para a realeza durante muito dos seus mais de 900 anos de história. Lady Baillie herdou o castelo após o seu divórcio de Arthur Wilson Filmer e estabeleceu a fundação que gere o castelo como um destino turístico desde a sua morte, em 1974. Desde o deslumbrante castelo até ao vasto terreno que o circunda são muitas as atrações que seduzem os turistas neste castelo.

Castelo de Framlingham

Castelo de Framlingham

Situado no leste de Inglaterra, em Suffolk, o Castelo de Framlingham é o exemplo perfeito das fortificações clássicas do século XI e XII. As 13 torres e outras características do castelo atraem os visitantes que visitam o mesmo para caminharem no topo da muralha do castelo. Framlingham desempenhou um papel importante durante o período Tudor, quando a família Howard foi proprietária do castelo. O castelo foi doado ao Pembroke College em 1636, sendo que muitos dos edifícios internos foram destruídos para construir uma “poorhouse”. Além do castelo, os turistas podem também visitar a igreja de São Miguel, que fica localizada perto.

Castelo de Alnwick

Castelo de Alnwick

Este castelo fica localizado em Alnwick, Northumberland, na Inglaterra, sendo a residência do Duque de Northumberland. Trata-se do segundo maior castelo habitado em Inglaterra após o Castelo de Windsor. Construído durante o século XI, o Castelo de Alnwick foi a residência da família Percy nos últimos 700 anos. No entanto, apesar do duque e da duquesa ainda viverem numa secção do castelo, o resto do mesmo está aberto ao público durante 7 meses do ano. Ao longo dos séculos, o castelo foi renovado várias vezes. Os quartos do castelo albergam algumas das melhores coleções de pinturas do país, incluindo trabalhos de Titian ou de Gainsborough. O exterior do castelo já apareceu em vários filmes e serviu mesmo para cenas exteriores da famosa escola de Hogwarts, nos filmes de Harry Potter, pelo que provavelmente reconhecerá o mesmo.

Castelo de Corfe

Castelo de Corfe

Atualmente em ruínas, este castelo localizado no condado de Dorset é um dos mais bonitos castelos de Inglaterra. Construído no século XI e XII, a mando de Guilherme I de Inglaterra, o castelo, sendo erguido numa pedreira elevada, foi concebido para intimidar potenciais atacantes. O castelo foi fortemente defendido durante 3 anos, na Guerra Civil Inglesa, por parte de Lady Bankes. Como muitos outros castelos fortificados no país de então, foi parcialmente desmantelado. Atualmente, é controlado pelo National Trust e encontra-se aberto ao público.

Para tirar partido de todas essas sugestões e, ao mesmo tempo fazer uma viagem verdadeiramente inesquecível ao país, pode delinear uma rota de castelos em Inglaterra, preparando um itinerário que inclua os castelos que mais quer ver e, assim, conhecer também diversos pontos de Inglaterra que de outra forma dificilmente conheceria.

« Voltar para a Página Inicial

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *