O que Fazer em São Miguel

São Miguel é a maior ilha do arquipélago dos Açores, contudo, devido à distância existente entre a região autónoma e Portugal Continental, muitas das pessoas que a visitam não sabem propriamente o que fazer em São Miguel. Se for o seu caso, decerto que ficará elucidado após ler o artigo que preparamos para si.

A ilha é marcada por prados verdejantes e manchas pontuais de floresta, mas não tem só espaços verdes para oferecer a quem a visita, pelo contrário. Em São Miguel, poderá ver as maiores lagoas dos Açores, sendo a mais emblemática a que reside nas Sete Cidades, mas também a da Lagoa do Fogo, quiçá a mais intocada da ilha.

Os ilhéus, em particular o da Vila Franca do Campo, bem como o dos Mosteiros marcam a costa da ilha, sendo que o primeiro pode mesmo ser visitado durante o verão.

De resto, os miradouros, os inúmeros trilhos, as praias ou mesmo a gastronomia micaelense resultam num pacote de sugestões que tornam a ilha num destino cada vez mais procurado por quem quem passar uns dias de férias calmos e relaxantes, usufruindo da qualidade do ar que é apanágio do arquipélago.

O que fazer em São Miguel
As caminhadas são uma das atividades mais populares na ilha de São Miguel.

O que fazer em São Miguel?

Então, se não está familiarizado com o que fazer em São Miguel, saiba que existem diversas atividades por onde optar, passíveis de agradar a todas as pessoas. Vejamos algumas das atividades mais populares:

  • Canoagem e caiaque
  • Canyoning
  • Geoturismo
  • Golfe
  • Mergulho
  • Observação de aves
  • Observação de cetáceos e natação com golfinhos
  • Parapente
  • Passeios a cavalo
  • Passeios de bicicleta
  • Passeios pedestres
  • Pesca desportiva
  • Surf e bodyboard
  • Vela

Se não for apologista de nenhuma destas atividades, não se preocupe, pois existem diversos locais merecedores da sua visita na ilha.

O que visitar em São Miguel?

Sendo a maior ilha dos Açores, São Miguel tem locais de imensa natureza passíveis de serem visitados por qualquer turista nacional ou estrangeiro. Vejamos abaixo algumas das suas opções:

As lagoas

Nesta ilha estão as maiores lagoas dos Açores, sendo a mais popular a que fica nas Sete Cidades, que deu inclusive origem à Lendas das Sete Cidades, com as suas lagoas, nomeadamente a azul, bem como a verde, separadas por uma bonita ponte.

Além desta, tanto a Lagoa do Fogo, como a Lagoa das Furnas, são lugares de visita obrigatória, mas, se tiver tempo, pode ainda visitar diversas outras lagoas presentes na ilha, como é o caso de Santiago, Empadadas, São Brás, entre várias outras.

Festas

O povo açoriano gosta de festas e de receber bem quem o visita e, naturalmente, os micaelenses não são exceção. Ao longo do ano, especialmente na primavera e verão, são realizadas diversas festas, umas religiosas, outras puramente lúdicas, como a Festa do Santo Cristo, a Festa do Espírito Santo, as Festas de São Pedro, a Semana do Chicharro, entre várias outras, que decerto animarão a sua estadia na ilha.

O que visitar em São Miguel
O ilhéu de Vila Franca do Campo é um local de visita obrigatório no verão.

Ilhéus

Para quem vive no interior, os ilheus são sempre uma oportunidade de visualizar algo de diferente e, nesse sentido, tanto o Ilhéu dos Mosteiros, como o Ilhéu da Vila, proporcionam-lhe imagens fantásticas. O Ilhéu da Vila (Franca), em particular, distingue-se dos demais, porque você tem a oportunidade de, no verão, visitar o mesmo e, se quiser, dar um mergulho nas águas que o circundam.

Miradouros

Ao longo da ilha encontramos diversos miradouros que nos proporcionam uma vista deslumbrante sobre as localidades e costa da ilha. Tem, por exemplo, um miradouro sob o vale das Sete Cidades, designado de “Vista do Rei”, que lhe faculta uma imagem magnífica sobre o vale e as duas lagoas. Mas, além deste, noutras localidades da ilha, como Nordeste ou Povoação, encontra muitos miradouros, por vezes ajardinados e equipados com mesas e churrasqueiras, para poderem passar uma tarde em família.

Observação de cetáceos

Uma das atividades preferidas dos turistas quando visitam a ilha é a observação de cetáceos e, nesse sentido, várias empresas disponibilizam-lhe essa possibilidade. Assim, mediante a compra de um bilhete, pode entrar numa das suas lanchas e, quando houver indicação dos seus colaboradores em terra, dirigir-se ao encontro dos cetáceos, numa experiência verdadeiramente inesquecível.

Piscinas naturais

Se tem dúvidas sobre o que visitar em São Miguel, então as piscinas naturais são, sem dúvida, um ponto de paragem obrigatório. Você pode encontrar piscinas de água quente, nomeadamente a Poça da Beija, bem como o Parque Terra Nostra, ambos nas Furnas, ou ainda a Caldeira Velha, na Ribeira Grande.

Ponta da Ferraria

Gostaria de mergulhar no mar mas, em vez de água fria, encontrar água quente? É precisamente isso que encontra na Ponta da Ferraria, nos Ginetes, onde a água do mar é aquecida pelas águas termais vulcânicas.

Praias

Se visitar a ilha no verão, as praias são, naturalmente, um local a visitar. Nessa ótica, a oferta é diversificada e pode optar por uma praia no concelho de Ponta Delgada, como é o caso da praia do Pópulo, ou, pelo contrário, se preferir, visitar outras espalhadas pela ilha, como a Vinha da Areia, na Vila Franca, ou mesmo a praia da Ribeira Quente.

Restaurantes locais

Para provar a gastronomia micaelense, nada como visitar os restaurantes locais, para saborear os pratos de carne e peixe típicos, o marisco, bem como a doçaria regional, como as maravilhosas Queijadas da Vila França ou simplesmente uma fatia de ananás, um dos expoentes locais.

Trilhos e atividades naturais

Para os adeptos de caminhadas, existem diversos trilhos, como o do Sanguinho, no Faial da Terra, que lhe permitem deambular pela ilha e conhecer, por exemplo, algumas cascatas que de outra forma dificilmente teria a oportunidade de conhecer. Além disso, pode ainda optar por passeios a cavalo, de bicicleta, bem como outras atividades que lhe permitem contactar com o que de melhor a natureza na ilha tem para lhe oferecer.

Mesmo que não esteja familiarizado com o que fazer em São Miguel, decerto que as dicas supracitadas facultar-lhe-ão a possibilidade de familiarizar-se com diversos aspetos lúdicos da ilha. Contudo, nada como visitar São Miguel para verificar, em primeira mão, tudo o que de bom esta tem para oferecer.

« Voltar para a Página Inicial