Adolescente Pode Viajar Sozinho? Descubra aqui!

Uma questão muito recorrente é se um adolescente pode viajar sozinho. Contudo, apesar da frequência com que surge a questão, é possível dissipar rapidamente as suas dúvidas.

É importante saber essa informação, pois os adolescentes são ávidos por novidades e querem mesmo curtir alguns momentos longe dos pais. Seu filho já quer viajar com amigos, passar finais de semana, reveillon e feriados com a turma da sua idade.

A resposta à questão, contudo, pode depender do tipo de viagem ou, se preferirmos designar de outra forma, do destino. Isto acontece porque, em comparação, nas viagens nacionais as exigências são diferentes das viagens internacionais.

Abaixo, tudo que você precisa saber para seu filho viajar com segurança e não ter surpresas desagradáveis.

Adolescente Pode Viajar Sozinho
Existem diferenças entre viagens nacionais e internacionais, às quais um adolescente deve estar atento para viajar sozinho.

Descubra se um adolescente pode viajar sozinho

Viagens nacionais

Adolescentes não necessitam de autorização para viajar dentro do país. Apesar disso, é muito comum que as empresas de transportes intermunicipais e interestaduais solicitem documentos dos mesmos e avisem autoridades policias sobre qualquer comportamento suspeito. Cabe ressaltar que um adolescente só pode comprar uma passagem com 16 anos completos (e de preferência acompanhado dos pais).

Preste atenção que segundo norma do ECA (Estatuto da Criança e Adolescente) adolescentes podem viajar em território nacional (dentro do próprio Brasil) sozinhos, porém, não é permitido que se hospedem sozinhos em hotéis antes dos 18 anos. Essa informação vale para que, ao chegar no destino pretendido, o adolescente não passe pelo problema de nenhuma empresa querer hospedá-lo.

Viagens internacionais

Se a viagem for internacional e o adolescente estiver desacompanhado, a autorização deve ser assinada por pai e mãe com firma reconhecida de ambos.

É importante dizer que sempre que a autorização for necessária, ela deve ser feita em duas vias, conter uma fotografia do menor que viajará e prazo de validade definido.

Esperamos que com essas informações, suas dúvidas tenham sido sanadas e você possa desfrutar da melhor forma da sua possível viagem!

« Voltar para a Página Inicial